قالب وردپرس درنا توس
Breaking News
sddsds

UNICEF : Ataques sauditas aos sistemas de água do Iêmen aumentam o risco de doenças

O Fundo de Emergência Internacional das Crianças da ONU (UNICEF) condenou os recentes ataques aéreos conduzidos pela coalizão liderada pelos sauditas sobre os sistemas de água do Iêmen, alertando que a destruição da infraestrutura poderia colocar em risco mais vidas.

Em um comunicado divulgado na terça-feira, Geert Cappelaere, diretor regional do UNICEF no Oriente Médio e Norte da África, disse que a instalação de água na província de Sa’ada, no noroeste do país, foi atacada três vezes nos últimos dias.

Agora, ele disse, mais da metade do sistema de água de Sa’ada foi danificada e a água potável cortada para 10.500 iemenitas.

“A UNICEF deplora nos termos mais fortes ainda outro ataque a sistemas de água vitais e salvadores no Iêmen”, disse Cappelaere. “Os ataques contínuos aos sistemas de água no Iêmen estão cortando as crianças e suas famílias da água; aumentando a probabilidade de doenças transmitidas pela água se espalharem pelo país devastado pela guerra. ”

Ele também alertou que “mais vidas – entre elas muitas crianças – serão perdidas” se os ataques aéreos aos serviços básicos do Iêmen continuarem.

O funcionário da UNICEF também pediu às partes no conflito do Iêmen que parassem com todos os ataques à infraestrutura civil do país, incluindo sistemas e instalações de água, escolas, hospitais e clínicas.A campanha militar matou e feriu dezenas de milhares de civis.

Vários países ocidentais, os EUA e o Reino Unido em particular, têm fornecido à Arábia Saudita armas avançadas e equipamento militar.

Avião da Cruz Vermelha forçado a pousar em Jizan

Separadamente na terça-feira, a coalizão disse que forçou um avião com o Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) a pousar na cidade de Jizan, no sudoeste da Arábia Saudita, depois de interceptá-lo sobre o Iêmen.O avião, que estava indo para Djibuti, havia mudado de curso depois de decolar de Sana’a, disse a coalizão liderada pela Arábia Saudita em um comunicado divulgado pela agência oficial da imprensa Saudita (SPA).

“As forças da coalizão se comunicaram com a aeronave na freqüência internacional de socorro … mas a tripulação não respondeu”, disse o porta-voz da coalizão, o coronel Turki Al-Maliki. “Comandos foram dados para redirecionar a aeronave para fora da zona de operações, mas sem sucesso. A aeronave foi forçada a pousar em Jizan.

Enquanto isso, o CICV confirmou a “parada não programada” do avião em Jizan, acrescentando que foi “devido a problemas técnicos”.

“A questão foi resolvida e o avião pousou em Djibouti esta noite”, disse a instituição humanitária em um comunicado.

A Arábia Saudita impôs um bloqueio ao Iêmen, que sufocou entregas humanitárias de alimentos e medicamentos para o país, dependente de importações.

www.presstv.com

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *