قالب وردپرس درنا توس
Breaking News
ver

Bahrein viola repetidamente os direitos dos dissidentes em um mês

Um grupo de direitos humanos denunciou que o regime da Bahrein cometeu quase mil estupros em janeiro passado, incluindo prisões arbitrárias e tortura, contra opositores da monarquia que governa esse pequeno país do Golfo Pérsico.

Em um relatório publicado na sexta-feira, o Fórum de Direitos Humanos do Bahrein estimou 995 casos de violações de direitos humanos em que o regime de Al Khalifa está envolvido como autor.

A nota detalha que, no mês passado, cerca de 121 pessoas, incluindo seis menores, foram arbitrariamente presas durante as incursões domésticas realizadas pelas forças governamentais.

Acrescenta que as autoridades usaram tortura e outras formas de violência contra 18 detidos, incluindo oito menores e quatro mulheres, em instalações penitenciárias e delegacias de polícia em toda a ilha.

O governo de Manama é acusado, repetidamente, por ativistas e organizações de direitos humanos de tentar silenciar qualquer voz dissidente desde a revolta de 2011, que foi suprimida com a intervenção do exército da Arábia Saudita.

Desde então, a monarquia do Bahrein usou a força bruta para esmagar qualquer protesto contra, por exemplo, a discriminação da minoria xiita neste país.

www.hispantv.com

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *