قالب وردپرس درنا توس
Breaking News
casa

ONU e OLP, contra o plano israelense de construir mais de mil casas em assentamentos

JERUSALÉM. A ONU e a Organização para a Libertação da Palestina (OLP) condenam a recente aprovação israelense para construir mais de mil casas em assentamentos no território palestino ocupado da CisjordâniaO coordenador especial da ONU para o Oriente Médio, Nickolay Mladenov , reiterou hoje que “a construção em assentamentos israelenses é ilegal sob o direito internacional e é um dos principais obstáculos para a paz”, disse ele em comunicado.

Ele enfatizou que as ações relacionadas à colonização “prejudicam as opções para estabelecer um estado palestino viável, com continuidade, como parte da solução dos dois estados” e exortou as autoridades israelenses a “cessar e reverter essas ações”.

O Conselho Superior de Planejamento da Administração Civil (que pertence ao órgão militar israelense que administra a ocupação dos territórios palestinos) aprovou um total de 1.122 unidades habitacionais em uma série de colônias e esta manhã foi publicado um concurso público para a construção de outras 651 unidades, informou a ONG israelense Paz Ahora (Shalom Ajshav).

O secretário-geral da OLP, Saeb Erekat , considerou que, com este anúncio, o governo israelense “mantém seus planos de enterrar todas as possibilidades de (alcançar) um acordo político”, disse ele em um comunicado separado.

Erekat lamentou que esses projetos “tenham sido encorajados” pelo reconhecimento de Jerusalém como a capital de Israel pelo presidente dos EUA, Donald Trump , que diante dos palestinos desacreditou o país como mediador em um processo de paz e “deu ao governo extremista israelense uma oportunidade e luz verde para acelerar seus planos à custa do povo palestino”.

www.abc.com

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *